Descubra como a simulação computacional pode ajudar o seu negócio a crescer


Você já se perguntou se a simulação computacional pode auxiliar a sua empresa a crescer e se você realmente precisa dessas ferramentas? Foi com o objetivo de auxiliar você a identificar se a sua empresa pode obter benefícios com a simulação que escrevemos este texto. O primeiro passo é reconhecer qual é o posicionamento da empresa, o público-alvo com que trabalha e entender como esses aspectos impactam diretamente na concepção e fabricação do seu produto.

Posicionamento da empresa
Uma das muitas variáveis que devem ser levadas em consideração é o público-alvo da empresa. Com base nessa informação o engenheiro e/ou projetista poderá identificar o que é mais importante entregar para o cliente (preço, qualidade, eficiência, produtividade etc.) e quais dessas variáveis quando otimizadas trariam resultados significativos para a empresa. Outro ponto importante é conhecer o setor de atuação da empresa.

Identifique quais métricas são essenciais ao seu negócio

Identifique quais métricas são essenciais ao seu negócio

Com base nessas informações, pode-se determinar quais as características do produto são mais importantes (segurança, eficiência, custo etc.) e quais dessas características devem ser otimizadas para gerar resultado para a empresa, como por exemplo, reduzir o tempo de desenvolvimento e fabricação, lançar produtos antes da concorrência para ter mais tempo de venda no mercado (time-to-market), reduzir custos de produção, entre outros.

Um exemplo prático disso é uma empresa que produz prensa para conformar chapas de aço que tem como público-alvo empresas do setor metal mecânico e se posiciona como diferenciação por produto. Com base nesta informação, pode-se analisar que o produto comercializado deve preencher requisitos como robustez, para trabalhar com chapas de diferentes espessuras; alta eficiência energética para que o fabricante tenha pouco impacto na conta de energia; e que cumpra os requisitos de segurança de operação para evitar acidentes durante o trabalho. Neste caso, o fabricante do produto precisa investir em formas de tornar este produto mais seguro e eficiente energeticamente.

Já um fabricante de ventiladores que se diferencia por preço, precisa analisar outros requisitos. Neste caso, a empresa deve oferecer um produto que tenha custo baixo de fabricação para ser competitivo no mercado e acessível a este público. Para esta empresa os requisitos mais importantes são desenvolver produtos mais baratos, seja reduzindo a quantidade de matéria-prima utilizada, evitando o desperdício de material ou melhorando a eficiência do processo produtivo.

Olhar para dentro do processo produtivo é essencial para identificar quais os principais desafios/problemas que a empresa enfrenta nessas etapas, bem como avaliar o impacto sobre o negócio caso esses obstáculos sejam superados. Ao olhar para a produção, é possível identificar outros pontos que refletem diretamente no custo de uma empresa.

Se você analisou o seu business com base em todas as informações acima, já deve ter identificado algumas métricas que são estratégicas para o seu negócio. Agora é importante analisar quais desses critérios trariam resultados interessantes para o público-alvo e a empresa ao serem otimizados e encontrar as ferramentas certas para solucionar os problemas e potencializar os resultados.

Como superar os desafios?
Depois de identificar quais as métricas mais importantes e impactantes para a empresa, é importante conhecer as ferramentas necessárias para atingir seu objetivo. Neste sentido, os softwares de simulação computacional oferecem um conjunto de soluções que permitem olhar dentro e fora do produto e do processo produtivo e oferecem informações valiosas para diretores, gerentes de engenharia, gerentes de produção, engenheiros de processo e projetos e pessoal de pesquisa e desenvolvimento.

Abaixo são apontadas algumas das principais variáveis que essas ferramentas permitem analisar e otimizar e como as empresas estão conquistando resultados significativos com essas soluções.

1. Tempo de Desenvolvimento
Se depois de analisar o seu negócio você verificar que o tempo de desenvolvimento é um gargalo, vai gostar de saber que existem ferramentas que auxiliam a reduzir o tempo envolvido no processo.

As ferramentas de simulação computacional reduzem consideravelmente o tempo empregado pela equipe e, muitas vezes, também reduz a quantidade de profissionais envolvidos em todas as etapas do projeto. Além disso, também permitem realizar o lançamento antecipado, aumentando o ciclo de vida do produto (time-to-market) e antecipando o retorno do investimento do projeto.

Gráfico apresenta o impacto no fluxo de caixa que a simulação pode agregar à empresa

Gráfico apresenta o impacto no fluxo de caixa que a simulação pode agregar à empresa

A VALE Carajás utiliza as ferramentas de simulação para desenvolver soluções em suas plantas de produção de minério de ferro para aumentar a produtividade e estão conquistando resultados significativos no tempo de desenvolvimento do projeto e implantação. Em um dos projetos a equipe de engenharia conseguiu reduzir de um ano para apenas três meses o tempo de desenvolvimento do projeto. Acesse o estudo de caso aqui.

2. Peso e geometria do produto
Ao encontrar a solução ótima para um produto uma empresa pode conquistar benefícios significativos, melhorando a eficiência e reduzindo a quantidade de matéria-prima necessária para assegurar a operacionalidade e a segurança.

As ferramentas de simulação computacional aliadas às soluções de otimização contribuem significativamente para analisar diferentes cenários e testar inúmeras soluções para um mesmo produto em um tempo infinitamente menor quando comparado ao método tradicional.

Um caso do uso da simulação combinada com otimização para redução de peso é a análise realizada pela TMSA, em que conseguiu reduzir em até 25% a massa de uma treliça sem prejuízo a estrutura. Acesse o estudo de caso aqui.

3. Custo do Projeto e Produto
Reduzir o número de alterações no projeto e de protótipos fabricados, bem como os custos envolvidos na fabricação e matéria-prima dos produtos oferecem vantagens competitivas interessantes para qualquer empresa. Neste sentido, as ferramentas de simulação permitem identificar e corrigir falhas nas fases iniciais do ciclo do projeto e preparar protótipos virtuais, reduzindo o número de protótipos físicos fabricados.

Impacto da Simulação sobre a rentabilidade do Produto. Com base na imagem acima, pode-se verificar que quanto antes se utilizar a simulação maior o número de problemas que são corrigidos e menor o gasto com a solução

Com base na imagem acima, pode-se verificar que quanto mais cedo se utilizar a simulação maior o número de problemas que podem ser corrigidos e menor o gasto com a solução

Também permite otimizar geometrias, materiais, processos de fabricação e outros atributos de design, dos produtos mais simples aos mais complexos, aumentando a lucratividade do projeto.

4. Qualidade, Eficiência e Inovação
Além de reduzir tempo e custos de projeto, os softwares de simulação computacional também são excelentes ferramentas de vantagem competitiva, pois permitem às empresas desenvolver produtos mais eficientes, robustos e de maior qualidade em menor tempo e comercializá-los antes mesmo da concorrência.

Um exemplo de melhora de eficiência é o estudo de caso da WEG. A empresa utilizou simulações eletromagnéticas, mecânicas e térmicas associadas a técnicas de otimização para desenvolver uma linha nova de motores mais robustos, de melhor performance e eficiência energética. Acesse o estudo completo aqui.

5. Produtividade
Os softwares de simulação computacional também permitem analisar as condições de funcionamento de um equipamento, prever o volume da produção e testar cenários e configurações que maximizem esta produtividade. Essas ferramentas podem ser aplicadas na fase de projeto ou em equipamentos em operação para aumentar a produção e evitar paradas.

A BOMAG utilizou as ferramentas de simulação computacional para melhorar a eficiência de componentes que integram o equipamento Asphalt Plant. Para conseguir isso, eles usaram simulação para analisar o comportamento do material no interior do equipamento e tentaram testar possíveis soluções de forma rápida e rentável. Acesse o estudo de caso aqui.

Vantagens da Simulação Computacional
Além de trazer os benefícios destacados acima, a utilização das ferramentas de simulação na engenharia evita diferentes consequências que a falha de um produto pode trazer, como:
– Perda de lucros;
– Custos de reparação / RECALL;
– Desperdício de Custos Fixos;
– Danos à Reputação da Marca.

Pesquisa da Aberdeen Group (2015) apresenta as principais razões que levam ao investimento em simulação computacional

Pesquisa da Aberdeen Group (2015) apresenta as principais razões que levam ao investimento em simulação computacional

Também é importante destacar que existem muitas outras variáveis sobre as quais o uso da simulação pode trazer retorno expressivo. Caso você necessite avaliar outras métricas, descobrir qual o ROI (Retorno sobre o Investimento) ou se possui interesse em saber mais sobre os benefícios da simulação, entre em contato com um dos nossos consultores aqui.

Call-to-action_pt


2 Comments
    • ESSS

Comentarios

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *