Prêmio de USD 4.000

Vencedor da edição de 2016 (6º Desafio Acadêmico)


Otimização de geometria de lâmina de turbina a vapor através de CFD: o Estudo visa encontrar uma geometria otimizada de blade para uma turbina a vapor, realizando analise para quatro geometrias diferentes.

Equipe ProEvolution - Universidade Tecnológica Federal do Paraná



• Acesse aqui a playlist dos projetos de 2016 apresentados no canal do YouTube do Desafio e da ESSS.


Informações Importantes

Prazo

Inscrição Etapa LOCAL 10 de março, às 17 horas
Envio de Vídeo Etapa LOCAL 23 de abril, às 23h59
Premiação Etapa LOCAL 23 de maio no CONVERGENCE Brasil
Inscrição para Etapa INTERNACIONAL 31 de maio, às 17 horas
Envio de Vídeo Etapa INTERNACIONAL 9 de julho, às 23h59
Premiação Etapa INTERNACIONAL 07 de agosto por vídeo Institucional ESSS


Inscrições Encerradas



O 7º Desafio ESSS de Modelagem Computacional tem o compromisso de estimular o intercâmbio de informações e conhecimento técnico, prático e teórico entre a academia e a indústria. Este ano, o Desafio passará a ser internacional, com a participação de todos os países da América Latina. Desta forma, o Desafio terá as seguintes etapas:
• Lançamento do Desafio – ETAPA LOCAL: A fase final do Desafio Local, na qual será apresentada a equipe vencedora de cada país e os resultados obtidos, será realizada durante o CONVERGENCE 2017 - ESSS CONFERENCE & ANSYS USERS MEETING, no dia 23 de maio.
• Lançamento do Desafio – ETAPA INTERNACIONAL: Nesta etapa, os vencedores da Etapa Local disputarão entre si. A definição e anúncio da equipe vencedora da Etapa Internacional, será feito através do canal da ESSS.



Regulamento

1. As equipes devem ser compostas por no mínimo 01 e no máximo 03 estudantes universitários. Cada equipe pode indicar 01 professor orientador para participar do projeto. Não é obrigatória a indicação.
2. Podem concorrer ao prêmio apenas as equipes que cumprirem o cronograma e atenderem às exigências deste regulamento.
3. Podem se inscrever no 7º Desafio ESSS de Modelagem Computacional apenas estudantes matriculados em uma instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação local.
4. É obrigatório o uso das ferramentas de simulação ANSYS para desenvolver as análises de simulação numérica. As equipes podem fazer o download da licença free ANSYS Student (no site Programa Academico ANSYS Estudantil), ou utilizar o ANSYS licenciado e legalizado adquirido pela Instituição de Ensino.

Temas do Desafio

5. Os temas do 7º Desafio ESSS de Modelagem Computacional, tanto para ETAPA LOCAL quanto para a ETAPA INTERNACIONAL, são de escolha livre, porém, o problema proposto e a solução desenvolvida por cada uma das equipes deve englobar um dos seguintes tipos de análises com o software ANSYS:
• CFD (fluidodinâmica, utilizando ANSYS Fluente ou CFX); ou,
• FEA (análise pelo método dos elementos finitos, análise estrutural, térmica ou outra, utilizando o ANSYS Mechanical); ou,
• Multifísica (mais de uma física envolvida; por exemplo: VIV, magnetohidrodinâmica, etc.).
6. Todos os trabalhos desenvolvidos devem detalhar as seguintes informações:
• Introdução/problema proposto pela equipe;
• Metodologia aplicada;
• Objetivos;
• Conclusão;
• Referências.
Fique atento porque a análise dos resultados deve ser coerente com estas informações!
7. Não será enviado material de apoio, nem fornecido treinamento específico para este desafio. Também não será oferecido suporte técnico. As análises e os projetos estão todos a cargo das equipes.

Inscrições para ETAPA LOCAL

8. As inscrições para o 7º Desafio ESSS de Modelagem Computacional devem ser realizadas exclusivamente pelo link (Inscrições encerradas).
9. As equipes devem preencher a ficha de inscrição e enviar as informações até o dia 10 de março, às 17 horas - prazo máximo de aceitação dos times.
10. Todos os participantes do 7º Desafio ESSS de Modelagem Computacional poderão participar do CONVERGENCE 2016 - ESSS CONFERENCE & ANSYS USERS MEETING. Por ocasião do momento da inscrição, os participantes deverão ter confirmado sua participação no Desafio para garantir a isenção da taxa.

Envio do trabalho para ETAPA LOCAL

11. Os trabalhos participantes do Desafio – ETAPA LOCAL devem obrigatoriamente ser submetidos do dia 25 de fevereiro até às 23h59 do dia 23 de abril. As informações para submissão dos trabalhos serão enviadas por e-mail à equipe participante ao final do período das inscrições.
12. Os arquivos enviados devem ter duração máxima de quatro minutos e configuração mínima de:
• Vídeo: deve ser gravado com resolução mínima de 480p (640x480). Os arquivos podem ser enviados em um dos seguintes formatos: MOV, .MPEG4, .MP4, .AVI, ou .WMV.

Inscrições para ETAPA INTERNACIONAL

13. Todas as equipes vencedoras da ETAPA LOCAL estão automaticamente convidadas para participar da ETAPA INTERNACIONAL. As equipes deverão confirmar seu interesse até às 17h do dia 31 de maio. Esta confirmação poderá ser feita com o envio de um email simples para a organização do Desafio.

Envio do trabalho para ETAPA INTERNACIONAL

14. Os trabalhos da ETAPA INTERNACIONAL deverão ser diferentes dos da ETAPA LOCAL.
15. Os trabalhos participantes do Desafio – ETAPA INTERNACIONAL devem obrigatoriamente ser submetidos até às 23h59 do dia 09 de julho. As informações para submissão dos trabalhos serão enviadas por e-mail à equipe participante ao final do período das inscrições.
16. Os arquivos enviados devem ter duração máxima de quatro minutos e configuração mínima de:
• Vídeo: deve ser gravado com resolução mínima de 480p (640x480). Os arquivos podem ser enviados em um dos seguintes formatos .MOV, .MPEG4, .MP4, .AVI, ou .WMV.

Avaliação dos Trabalhos

17. Os métodos e critérios de avaliação serão os mesmos para a ETAPA LOCAL e a ETAPA INTERNACIONAL.
18. Os trabalhos disponibilizados online terão duas avaliações:
• Serão avaliados publicamente, por meio de votação do público, que ocorrerá via YouTube. As votações terão um peso de 50% sob a nota final;
• Serão avaliados tecnicamente pela Comissão Julgadora constituída por engenheiros especialistas em simulação da ESSS, onde a nota técnica final será calculada com base na média ponderada dos itens dos critérios de avaliação presentes neste regulamento. As avaliações técnicas terão um peso de 50% sob a nota final.
19. Todos os trabalhos estarão disponíveis para votação online no YouTube e poderão ser votados de 24 de abril a partir das 12 horas encerrando a votação, impreterivelmente, no dia 08 de maio, às 17 horas, para a etapa local, e de 10 de julho a 30 de julho para a etapa internacional. Todos os trabalhos poderão ser acessados e votados no link do YouTube, o qual será disponibilizado posteriormente. As avaliações técnicas serão realizadas no mesmo período.
20. Será de responsabilidade de cada equipe divulgar os seus trabalhos nos meios de comunicação que considerarem pertinentes, como blogs, mídias sociais, e-mail, telefone etc., para que sejam votados pelo público em geral.
21. A utilização de recursos de votação automática está vedada. A equipe organizadora do Desafio receberá um relatório semanal da Google com a indicação de fraudes deste tipo. A Eliminação da equipe usuária deste tipo de recurso será imediata e irrevogável.

Premiação do DESAFIO LOCAL

22. Somente uma equipe será classificada como vencedora no DESAFIO LOCAL e terá direito à premiação e à participação no DESAFIO INTERNACIONAL.
23. O anúncio da equipe vencedora e sua premiação serão feitos no CONVERGENCE 2017 - ESSS CONFERENCE & ANSYS USERS MEETING, durante cerimônia de premiação no dia 23 de maio de 2017 no seguinte endereço: Grand Mercure São Paulo Ibirapuera - Sena Madureira, 1355, Bloco 1 - IBIRAPUERA - CEP 04021-051 - São Paulo/SP;
24. A premiação para a equipe vencedora consiste em:
• Troféu para o 1º lugar;
• Prêmio em dinheiro para o 1º lugar de 1000 USD;
• Direito de participação no DESAFIO INTERNACIONAL.
25. A ESSS não se responsabiliza pela divisão dos valores para cada um dos membros da equipe. A divisão dos valores é de inteira responsabilidade do time.
26. A equipe vencedora deverá comprovar que seu (s) integrante (s) está (ão) regularmente matriculado (s) em uma instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (ou equivalente) local. Para isso, necessitam enviar para o e-mail academico@esss.com.br o comprovante de matrícula de cada um dos integrantes da equipe (estudantes), bem como o comprovante de docência em exercício do professor orientador indicado.
27. Caso a equipe vencedora não envie os comprovantes de matrícula e comprovante de docência do professor orientador, ela será desclassificada. Neste caso, a premiação será entregue à equipe subsequente, conforme a ordem de maior pontuação para a menor, presente na lista de classificação. Apenas poderá receber a premiação a equipe que conseguir comprovar a matrícula regular dos membros em instituição de ensino superior.
28. O professor orientador indicado pela equipe receberá uma licença gratuita de pesquisa acadêmica de cinco acessos, válida por 01 ano para análises Fluidodinâmica Computacional (CFD) e Análise Estrutural (FEA). O professor terá o período de 2017 para requerer a licença do Prêmio.

Premiação do DESAFIO INTERNACIONAL

29. Somente uma equipe será classificada como vencedora no DESAFIO INTERNACIONAL e terá direito à premiação.
30. O anúncio da equipe vencedora e sua premiação serão feitos através de vídeo institucional da ESSS. Acompanhe a evolução do desafio nas redes sociais da ESSS. O vídeo será lançado no dia 07 de agosto, no seguinte endereço: YouTube.com/ESSSgroup;
31. A premiação para a equipe vencedora consiste em:
• Troféu para o 1º lugar;
• Prêmio em dinheiro para o 1º lugar de 3000 USD;
32. A ESSS não se responsabiliza pela divisão dos valores para cada um dos membros da equipe. A divisão dos valores é de inteira responsabilidade do time.
33. A equipe vencedora deverá comprovar que seu(s) integrante (s) está(ão) regularmente matriculado(s) em uma instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Eduacação (ou equivalente) local. Para isso, necessitam enviar para o e-mail academico@esss.com.br o comprovante de matrícula de cada um dos integrantes da equipe (estudantes), bem como o comprovante de docência em exercício do professor orientador indicado.
34. Caso a equipe vencedora não envie os comprovantes de matrícula e comprovante de docência do professor orientador, ela será desclassificada. Neste caso, a premiação será entregue à equipe subsequente, conforme a ordem de maior pontuação para a menor, presente na lista de classificação. Apenas poderá receber a premiação a equipe que conseguir comprovar a matrícula regular dos membros em instituição de ensino superior.
35. O professor orientador indicado pela equipe receberá uma licença gratuita de pesquisa acadêmica de cinco acessos, válida por 02 anos para análises Fluidodinâmica Computacional (CFD) e Análise Estrutural (FEA). O professor terá o período de 2017 para requerer a licença do Prêmio. Esta licença substituirá a licença adquirida na premiação do DESAFIO LOCAL.

Regulamento atualizado no dia 02 de março de 2017


Critérios de Avaliação

Nota

Peso

Apresentação

Formatação, qualidade do texto, clareza e organização do trabalho

0-10

1

Metodologia
e resultados

Coerência dos cálculos, aplicação correta das metodologias e a qualidade dos resultados numéricos

0-10

1

Desenvolvimento
e solução

O trabalho será avaliado de acordo com a qualidade, identificação dos problemas e se o objetivo foi atingido

0-10

2

Viabilidade

Caráter inovador e aplicabilidade dos desenvolvimentos sugeridos/analisados na metodologia e resultados

0-10

2